O ACORDEÃO E AS FESTIVIDADES DO ANO NOVO - DIETA MEDITERRÂNICA TODO O ANO | visita à oficina do mestre construtor José Domingos

Acordeon
Local: 
Tavira
Data, Hora: 
Sáb, 21/01/2017 - 15:00

O acordeão é um instrumento complexo e fascinante. Um "órgão com pulmões", dir-se-ia.

O "som do Algarve", o corridinho, talhado à sombra do regime estadonovista, baseia-se nas sonoridades deste instrumento. No entanto, o seu alcance vai muito mais além que o estereótipo forjado institucionalmente. O acordeão foi e continua a ser o mote para escolas, formações musicais várias- desde ranchos a bandas de jazz- mestrias e saberes que, correndo ao sabor dos dedos, se transmitem de geração em geração. Também as pessoas se afeiçoaram ao seu som no terreiro de baile, integrando desta feita a memória social das comunidades.

O acordeão, pela sua capacidade musical, é o acompanhamento preferencial de várias formações musicais, entre elas os grupos de Charolas que percorrem as ruas da cidade e aldeias de Tavira, e restante Algarve, durante as festividades do Ano Novo. 

Sonoridades e festividades cíclicas entranhadas nas vidas mediterrânicas.

Em Tavira podemos encontrar a oficina do mestre José Domingos Horta, construtor de acordeões. José Domingos começou por ser tocador de acordeão, tendo feito aprendizado com alguns dos mestre mais conhecidos. Mais tarde, por via da necessidade de reparar o seu instrumento, inicia-se na arte da sua construção. Das suas mãos saem acordeões com assinatura própria que tocam por esse mundo fora ("Acordeão. Alm'Algarvia", catálogo da exposição do mesmo nome, editado pelo Município de Castro Marim, 2016).

No dia 21 de janeiro, sábado, pelas 15h00, vamos visitar a oficina do mestre José Domingos Horta, acompanhados por João Pereira, presidente da Mito Algarvio – Associação de Acordeonistas do Algarve, para ouvir e falar sobre o acordeão. 

A inscrição é gratuita e obrigatória. Informações junto do Museu Municipal de Tavira, pelo telefone 281 320 500 (ext. 2305) ou por email edu.museus@cm-tavira.pt . A coordenação do programa é de Luísa Ricardo, antropóloga, Município de Tavira.

 

- “A Arte da Construção do Acordeão” (2012)

Projeto “Documentar Tavira Barrocal” Tavira , Algarve Film Commission com a parceria do Município de Tavira

  

- “José Domingos Horta - Construtor de Acordeões” (2013)

"A Música Portuguesa a Gostar Dela Própria "

 

(Realização: Tiago Pereira, Som: Sofia Matias)

 

---

“DIETA MEDITERRÂNICA TODO O ANO” é um programa de atividades de salvaguarda da Dieta Mediterrânica que visa divulgar as múltiplas dimensões do estilo de vida e da paisagem cultural mediterrânica. Pretende-se, na perspetiva da sustentabilidade (social, ambiental, económica): dar a conhecer as paisagens produtivas, os alimentos, os saberes- fazeres e as ameaças à sua continuidade. Dar a conhecer mas também explorar (ir mais além), experimentar, saborear,…

O programa integra passeios de interpretação do território, demonstrações culinárias e nutricionais (as cozinhas mediterrânicas), mostras fílmicas, oficinas de arte e artesanato, entre outras atividades em torno dos saberes-fazeres mediterrânicos. As atividades são promovidas pelo Município de Tavira e contam com a colaboração dos habitantes locais e parcerias com outras instituições, integrando o saber empírico e o saber científico.